Fatores que interferem no valor de fretes rodoviários

Foto do autor do post Marcos Tomaz

por

Marcos Tomaz

10 de jun de 2022

· 2 min de leitura

· 2 min de leitura

Foto do post Fatores que interferem no valor de fretes rodoviários

Não é apenas a distância entre o remetente e o destino da mercadoria que fazem o valor do frete de uma encomenda ser diferente uma das outras. Existem formas diferentes de realizar a conta do preço do transporte, o que torna o cálculo do frete um elemento estratégico e que demanda atenção dos gestores.

Cada empresa transportadora faz o seu próprio cálculo, de acordo com a sua tabela de frete, e para isso considera diversas variáveis. Uma delas é a característica do serviço prestado, que chega a um consenso do quanto será cobrado.

Se não for calculado adequadamente, a empresa pode sofrer prejuízos financeiros, que vão desde a perda de uma venda até a necessidade de arcar com custos que não estavam no orçamento. Levando tudo isso em conta, conclui-se que é necessário entender por que o frete varia, os fatores que o tornam diferente e como as empresas podem reduzir esses custos.

Vejam por exemplo essas duas características que influenciam diretamente no valor cobrado pelo frete rodoviário. O primeiro é a distância percorrida, esse é um aspecto primordial nos valores de fretes rodoviários, pois quanto maior a quilometragem, maior o gasto com combustível, manutenção e conservação dos veículos e, consequentemente, mais elevado será o preço final. Resumidamente, a distância entre os endereços de saída e chegada das cargas definem boa parte dos custos operacionais da viagem.

O segundo exemplo que podemos citar é o valor da carga na nota fiscal. O valor de um produto, que está descrito na nota fiscal que o acompanha, é um critério importante na composição do preço do frete. Afinal, saber quanto custa cada item é uma forma de gerenciar os riscos do transporte, já que é necessário fazer seguro de carga.

Além disso, muitas taxas e impostos são calculados com base no valor do produto, portanto quanto mais cara for uma mercadoria, mais oneroso será o transporte dela.

Para saber outras dicas sobre este assunto, não deixe de assistir o vídeo a seguir.

Marcos Tomaz

Analista de Sucesso do Cliente, pai do Vicente, fã do futebol bem jogado e que aproveita o simples, porque o complicado a gente resolve.

Foto: Freepik

Links Relacionados

 

Conheça nossos eBooks

0